O que é administração de empresas ?

administracaoAdministração é a tomada de decisões relacionadas ao gerenciamento dos recursos disponíveis. Esse gerenciamento traz os seguintes princípios:

Planejar, Organizar, 
Dirigir e Controlar.

As principais funções administrativas são:

  • Traçar objetivos;
  • Analisar e Solucionar Problemas;
  • Organizar e Alocar Recursos Financeiros, Tecnológicos e Humanos;
  • Liderar comunicando, Negociando, Dirigindo e Motivando as Pessoas.

Em uma organização do consumidor empresarial capitalista, procura-se alcançar três objetivos principais:

  • A satisfação do consumidor com o produto ou serviço prestado;
  • O lucro obtido com a comercialização da produção ou com o serviço prestado;
  • A redução de custos em todos os setores da empresa.

Eficiência, Eficácia e Efetividade

Eficiência, Eficácia e EfetividadeNa administração, muitos profissionais lidam direta e indiretamente com a eficiência e a eficácia; porém, o processo de lidar com elas é atribuído na prática. As empresas precisam de profissionais que sejam eficientes, gerando resultados com relação ao trabalho e ao objetivo da empresa. Por outro lado, para ser eficiente, o profissional deve estar sempre ligado à eficácia de suas ações. Em outras palavras, eficiência e fazer as coisas da maneira certa e eficácia é fazer as coisas certas ou seja, fazendo bem feito.

Diferenças entre eficiência e eficácia

 

Eficiência

Eficácia

   
Fazer corretamente as coisas Fazer as coisas necessárias
Preocupar-se com os meios Preocupar-se com os fins
Enfatizar métodos e procedimentos Enfatizar objetivos e resultados
Cumprir os regulamentos internos Atingir os Objetivos e Metas
Treinar e Aprender Saber e Conhecer
Jogar Futebol com Arte Ganhar a partida de Futebol
Saber Batalhar Ganhar a Guerra
Ser Pontual no Trabalho Agregar valor e riqueza à organização
   

Já a efetividade é ser eficiente e eficaz ao mesmo tempo, atingindo os objetivos e utilizando de forma correta os recursos disponíveis, sem desperdícios.

Continuar lendo

Anúncios

Introdução a Métricas de Software

Métricas de software vêm sendo estudada há uns 20 anos ou mais. Elas têm como principal objetivo entender a importância da avaliação, garantia da qualidade do software, as principais abordagens e como as mesmas são utilizadas.  Portanto as métricas de software têm como objetivo verificar se o produto foi desenvolvido de modo correto e validar se o produto esta de acordo com a especificação de requisitos.

Estas medições têm como objetivo obter o autoconhecimento (parte interna) do software, atender a uma pressão imediata (parte externa) do software e preparar o software para o futuro (tendências).

A partir de momento surgem algumas perguntas:

  1.  Obter autoconhecimento por quê? R: Se não soubermos onde estamos não conseguiremos saber pra onde ir e nem o que será feito, portanto é de fundamental importância que devemos saber O QUE se tem (ou seja, o que esta produzindo) e AONDE se quer chegar.
  2. Como atender uma pressão imediata? R: É saber resolver (o que fazer) em uma necessidade em curto prazo.

Por exemplo: Temos um projeto no qual você faz parte e que foi aprovado na concorrência de um projeto de desenvolvimento de software, portanto é de fundamental importância saber o que deve ser feito no hoje e saber pra onde caminhar.

  • Analisar a estrutura concreta de produção, isso pra saber como serão os próximos projetos;
  • Analisar possíveis riscos;
  • Medir o software onde podemos obter informação de como controlar, gerenciar, melhorar e trabalhar; 

     3. Até onde medir? R: Até estabelecer um programa de métricas que:

  • Seja adequada;
  • Fundamentado;
  • Gradual

     4. Não medir o software mais do que é necessário.

Essas métricas podem ser divididas em três fases:

  1. Coleta;
  2. Calculo dos Dados;
  3. Análise dos Dados.

Depois de realizar essas fases podemos identificar o conjunto de dados que a ideia do processo apresenta e um entendimento do projeto. Que permite ao gerente de projeto de software aperfeiçoar, melhorar o processo de desenvolvimento do produto e por fim avaliar a qualidade do produto que esta sendo produzido.

Referências bibliográficas

Pressman, Roger. S. Engenharia de Software. Makron Books, 1995. Guia de Estudos prof.  Rodrigo

GUARIZZO, Karina. Métricas de Software monografia. Disponível em:                  <Métricas de Software> . Acessado em 06/11/11

Costa David dos Santos. Engenharia de Software: Métricas e Qualidade de software. Disponível em:<Trabalho Engenharia de Software David Costa>. Acessado em 06/11/11

Aurélio Marco Cordeiro. Métricas de Software. Disponível em: <batebyte> Acessado em 5/11/11.